quinta-feira, maio 23, 2024
spot_img
- PUBLICIDADE -
Publicidade
- PUBLICIDADE -
Publicidade
InícioBalneário PiçarrasVÍDEO: Em coro "segurança, praia limpa", manifestantes protestam em Balneário Piçarras

VÍDEO: Em coro “segurança, praia limpa”, manifestantes protestam em Balneário Piçarras

Cerca de 100 pessoas pessoas participaram do ato na manhã deste domingo na descida da rua 3500; encontro foi convocado pelas redes sociais

Neste domingo, 21 de agosto, cerca de 100 pessoas foram às ruas com faixas e cartezes para manifestação cobrando segurança pública e responsabildiade ambiental do manejo de dejetos das empreiteiras e construtoras de Balneário Piçarras.

Manifestantes comentaram que na altura da rua 3600, diversos prédios estão sendo erguidos, canalizando dejetos para a praia com a justificativa de encamento pluvial. A moradora do bairro Priscila Gomes alertou que o cheiro de esgoto está muito forte por conta da contaminação do lençol freático. “Nós não temos esgoto ainda no bairro Itacolomi e dizer que tem Bandeira Azul é muito fácil, camufla faz foto do que não existe. As construtoras estão estragando ruas que já eram pavimentadas e prejudicando os moradores”, avalia.

Os manifestantes se concentraram na frente do Posto 7 da avenida beira-mar e seguiram em direção à rua 3350, andaram em frente ao Mercado Avenida, desceram na rua 3600 e voltaram pela praia em movimento pacífico.

Gerson Barkemeyer, morador da rua 1500, no bairro Itacolomi de Balneário Piçarras, teve a iniciativa da manifestação. “A gente só pede duas coisas: queremos o apoio do poder público executivo e legislativo para ampliar a segurança e o cuidado com o meio ambiente, com a nossa praia”, relata.

De acordo com Gerson, a gota d’água foi uma ação da prefeitura ao permitir um desvio das tubulações que despeja esgoto diretamente na praia. Ele ressalta que em contato a prefeitura, nenhum representante atendeu com a devida atenção.

Sobre a segurança, o manifestante pontua que grande parte das residências já foram invadidas por criminosos. “Cerca de 70% a 80% das residÊncias já tiveram algum arrombamento registrado. Na minha rua apenas três casas não foram invadidas. É por isso que pedimos com urgência a identificação das residências que foram invadidas nos últimos 12 meses”, completa.

Os manifestantes ainda solicitam um efetivo maior das autoridades de segurança e um comando mais forte e autônomo. “Os efetivos estão tendo que se deslocar à Balneário Camboriú para fazer o corpo de delito e até Itajaí para fazer o Boletim de Ocorrência. Nós não temos ações em Balneário Piçarras, pois dependemos de outras cidades o que demanda mão de obra, tempo e custo”, finaliza.

Até o momento, a Prefeitura de Baleneário Piçarras não se pronunciou sobre o assunto.

Assista aos momentos da manifestação:

Campanha Saúde Balneário Piçarras 2023
Campanha Educação Balneário Piçarras
RELATED ARTICLES

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- PUBLICIDADE -
Publicidade

Últimas notícias

- PUBLICIDADE -
Publicidade

Colunistas

Prefeitura de Penha inicia projeto de revitalização da Avenida Eugênio Krause

0
“Esse é um projeto que eleva a capacidade de fluidez e mobilidade do trânsito central da nossa cidade. Com esse arrojado projeto, caminhamos em...
O professor é um mediador que coloca o aluno em um contato direto com conceitos e fontes adequadas.

Estreia coluna Sala dos Professores Opinião: Orgulho e representatividade

0
Neste sábado, especial dia dos mestres, estreia a coluna Sala dos Professores. O professor historiador Jairo Demm Junkes relata momentos do conhecimento e a figura da mediação dos professores com a sempre generosa cortesia da distribuíção dos méritos. A coluna recebe artigos inéditos dos profissionais da educação.
E não é só em números de aparelhos que nosso país está nas primeiras posições, em média gastamos 4 horas e 40 minutos diariamente (média) na frente deste aparelhinho. O smartphone virou o companheiro inseparável, vai desde o banheiro até a cama.

Uso excessivo do celular pode prejudicar postura

0
Professor Marcelo nos orienta na coluna Vida & movimento de hoje sobre os malefícios do uso excessivo do celular
Aproveitem a estação com muito movimento, fiquem ativos, fiquem bem.

Apesar do outono favorecer sedentarismo, é importante manter foco nas atividades físicas

0
Professor Marcelo Albuquerque alerta para espantar a preguiça na estação outono
- PUBLICIDADE -
Publicidade

Comentários recentes