terça-feira, maio 28, 2024
spot_img
- PUBLICIDADE -
Publicidade
- PUBLICIDADE -
Publicidade
InícioArticulistasTÃO LANCEANDO!Projeto Origens: Penha do Itapocoróy

Projeto Origens: Penha do Itapocoróy

O professor Eduardo Bajara estreia a coluna TÃO LANCEANDO! em alusão à expressão usada na Praia Grande quando estavam cercando tainhas. É toda terça-feira, só aqui no Pexero News.

por EDUARDO BAJARA 
Superintendente da Cultura Penha SC

Vamos nos remeter ao Século XVII, quando Portugueses, Vicentistas e Bandeirantes de várias nacionalidades – Espanhóis, Ingleses, Franceses, etc. – chegaram ao litoral de Santa Catarina, mais especificamente na região norte, atual São Francisco do Sul, a primeira Vila do Estado, a ser chamada então de Vila de Nossa Senhora da Graça do Rio de São Francisco do Sul.

Esta Vila se estendia até próximo a Florianópolis, atual São Miguel de Biguaçu. Encontraram índios tupis guaranis, povo amistoso, que vivia de plantações, da caça e da pesca. Isso permitiu sua rápida disseminação e quase extinção.

Criaram então um caminho pela beira mar até Itapocoróy, uma baía portuária situada ao sul, onde alguns colonizadores e exploradores começaram a fixar residência. O mesmo caminho seria percorrido 100 anos mais tarde pelo naturalista francês Auguste de Saint Hilaire.

No início dos setecentos – 1715 – o Capitão Mor da Marinha Portuguesa Manoel Gonçalves de Aguiar, sob ordens reais expedidas no Rio de Janeiro, vem de Desterro – atual Florianópolis – e desembarca com sua frota armada em Itapocoróy, percorrendo todo o litoral ao norte, até a Vila de São Francisco do Sul, com a missão de capturar bandidos – a tropa de Cabecinha, o então renegado Capitão Mor Português que aterrorizava a Vila, teria saído da ilha em direção ao sul.

No ano de 1739, o mesmo Capitão Mor Aguiar aprenderia em Itapocoróy a nau Senhor dos Perdões e Santana com contrabandos de bebidas e especiarias, que estava descarregando sua carga na baía.

Prof° Eduardo Bajara
Descendente de Açorianos
Superintendente da Cultura Penha SC

Segundo Bajara, a cada cerco na Praia Grande, a expressão TÃO LANCEANDO! era ouvida – no boca a boca – até as proximidades de onde hoje se encontra o Parque Beto Carrero World.

Campanha Saúde Balneário Piçarras 2023
Campanha Educação Balneário Piçarras
RELATED ARTICLES

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- PUBLICIDADE -
Publicidade

Últimas notícias

- PUBLICIDADE -
Publicidade

Colunistas

Prefeitura de Penha inicia projeto de revitalização da Avenida Eugênio Krause

0
“Esse é um projeto que eleva a capacidade de fluidez e mobilidade do trânsito central da nossa cidade. Com esse arrojado projeto, caminhamos em...
O professor é um mediador que coloca o aluno em um contato direto com conceitos e fontes adequadas.

Estreia coluna Sala dos Professores Opinião: Orgulho e representatividade

0
Neste sábado, especial dia dos mestres, estreia a coluna Sala dos Professores. O professor historiador Jairo Demm Junkes relata momentos do conhecimento e a figura da mediação dos professores com a sempre generosa cortesia da distribuíção dos méritos. A coluna recebe artigos inéditos dos profissionais da educação.
E não é só em números de aparelhos que nosso país está nas primeiras posições, em média gastamos 4 horas e 40 minutos diariamente (média) na frente deste aparelhinho. O smartphone virou o companheiro inseparável, vai desde o banheiro até a cama.

Uso excessivo do celular pode prejudicar postura

0
Professor Marcelo nos orienta na coluna Vida & movimento de hoje sobre os malefícios do uso excessivo do celular
Aproveitem a estação com muito movimento, fiquem ativos, fiquem bem.

Apesar do outono favorecer sedentarismo, é importante manter foco nas atividades físicas

0
Professor Marcelo Albuquerque alerta para espantar a preguiça na estação outono
- PUBLICIDADE -
Publicidade

Comentários recentes