quinta-feira, maio 23, 2024
spot_img
- PUBLICIDADE -
Publicidade
- PUBLICIDADE -
Publicidade
InícioArticulistasVida & MovimentoUso excessivo do celular pode prejudicar postura

Uso excessivo do celular pode prejudicar postura

por MARCELO ALBUQUERQUE (@marceloalbuquerque66)
Profissional de Educação Física

Estima-se que exista algo próximo de 300 milhões de telefones celulares no Brasil, só na minha casa temos 3 em funcionamento! Isso representa mais de um aparelho por pessoa, considerando que somos uma nação de 214 milhões de habitantes, segundo números mais recentes o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística.

E não é só em números de aparelhos que nosso país está nas primeiras posições, em média gastamos 4 horas e 40 minutos diariamente (média) na frente deste aparelhinho. O smartphone virou o companheiro inseparável, vai desde o banheiro até a cama.

Eu volto a tocar neste assunto porque recentemente li uma postagem de um colega dizendo que não leva o celular para o trabalho (aulas) e não resisti e fiz um comentário dizendo que há algum tempo não usava (e não uso) o celular durante as aulas e treinamentos, isso por um simples motivo: não perder a atenção dos meus alunos/clientes.

Quando deixo meu aparelho guardado, aproveito também para semear a ideia que a separação não é tão dolorosa assim, é possível ficar alguns momentos sem dar um “like” ou outras ações, principalmente nas redes sociais. Não sou contra, muito pelo contrário, sou totalmente a favor de qualquer inovação científica, e as facilidades de comunicação móvel é uma delas. Porém vamos aprofundar um pouco mais na ideia central do assunto de hoje: o uso excessivo de smartphones causa danos ou problemas de saúde?

Segundo a CNN, médicos e fisioterapeutas já tem até uma expressão específica para esse tipo de problema, que chamam de “Text Neck” (pescoço de texto, em tradução livre) – que é aquela famosa posição com a cabeça inclinada para baixo, fazendo com que a cabeça “pese mais” e force a coluna e outras partes do corpo, e “whatsappinite”, um tipo de inflamação nos tendões ocasionada por movimentos repetitivos. De acordo com estudos, esses são problemas da sociedade moderna, que pode limitar os usuários em várias atividades.

Curiosidades: Em posição neutra, a cabeça de uma pessoa adulta pesa entre 4,5 kg e 6 kg. Quando inclinada para baixo, o pescoço passa a sustentar um peso maior. A força exercida no pescoço de um adulto quando ele está olhando para baixo, pode chegar a 27 quilos. É como se ele estivesse carregando uma criança de 8 anos em volta do pescoço. 4 horas por dia!

Dores nas mãos, punhos, ombros, coluna já foram registrados por diversos especialistas – médicos alertam que o uso demasiado deste aparelho, somado a falta de qualquer atividade física, não é bom para nós. Agora o que você não esperava é essa: PAPADA e RUGAS! especialistas já comprovaram que o uso constante dos smartphones pode favorecer o aparecimento de rugas e papadas. Isso porque a posição inclinada do pescoço faz com que haja uma sobreposição da pele da região, acelera o impacto da gravidade, aumentando as chances de flacidez e aparecimento de rugas na região do pescoço, queixo e parte inferior do rosto. Logo, além dos problemas de saúde você também vai ficar FEIO!

Deixe seu aparelho em casa e faça alguma atividade física, e se perguntarem o que você estava fazendo, quando não estava “online”, responda que estava prolongando a vida!

Professor Marcelo Albuquerque
Escreve às segundas para o Portal Pexero News.

**As opiniões expressas não reproduzem, necessariamente, o posicionamento do Portal Pexero News.

Campanha Saúde Balneário Piçarras 2023
Campanha Educação Balneário Piçarras
RELATED ARTICLES

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- PUBLICIDADE -
Publicidade

Últimas notícias

- PUBLICIDADE -
Publicidade

Colunistas

Prefeitura de Penha inicia projeto de revitalização da Avenida Eugênio Krause

0
“Esse é um projeto que eleva a capacidade de fluidez e mobilidade do trânsito central da nossa cidade. Com esse arrojado projeto, caminhamos em...
O professor é um mediador que coloca o aluno em um contato direto com conceitos e fontes adequadas.

Estreia coluna Sala dos Professores Opinião: Orgulho e representatividade

0
Neste sábado, especial dia dos mestres, estreia a coluna Sala dos Professores. O professor historiador Jairo Demm Junkes relata momentos do conhecimento e a figura da mediação dos professores com a sempre generosa cortesia da distribuíção dos méritos. A coluna recebe artigos inéditos dos profissionais da educação.
E não é só em números de aparelhos que nosso país está nas primeiras posições, em média gastamos 4 horas e 40 minutos diariamente (média) na frente deste aparelhinho. O smartphone virou o companheiro inseparável, vai desde o banheiro até a cama.

Uso excessivo do celular pode prejudicar postura

0
Professor Marcelo nos orienta na coluna Vida & movimento de hoje sobre os malefícios do uso excessivo do celular
Aproveitem a estação com muito movimento, fiquem ativos, fiquem bem.

Apesar do outono favorecer sedentarismo, é importante manter foco nas atividades físicas

0
Professor Marcelo Albuquerque alerta para espantar a preguiça na estação outono
- PUBLICIDADE -
Publicidade

Comentários recentes