quinta-feira, maio 23, 2024
spot_img
- PUBLICIDADE -
Publicidade
- PUBLICIDADE -
Publicidade
InícioEducaçãoLegislativo cogita trancar pautas até definição sobre piso do magistério em Penha

Legislativo cogita trancar pautas até definição sobre piso do magistério em Penha

Defasagem salarial estaria em 8,51% e comissão quer posicionamento prático para o projeto ser implementado na Câmara que teria pautas trancadas até a definição sobre o tema.

Um grupo de professores organizou nesta terça-feira, 16, uma concentração para receppcionar os membros da comissão sobre o piso do magistério do Município de Penha que particiárá de uma audiência no gabite do prefeito Aquiles da Costa. O grupo de professores afirma ter apoio da Câmara de Vereadores em nome do presidente Adriano de Souza, o Tibeco, para trancar a votação de projetos do executivo até que se tenha solução sobre a requisição. A defasagem chega a 8,51% com ganhos iniciais em R$ 4.073,00 quando deveria ser de R$ R$ 4.420,00.

De acordo com a especialista educacional, Luciméri Pinto, membro da comissão especial para decisão sobre o piso do magistério, o grupo quer uma data para definição do envio do projeto para aprovação na Câmara de Vereadores. “Não vamos aceitar nenhum tipo de justificativa sobre cálculo de orçamento, a gente quer que ele fale um prazo. Caso isso não aconteça, a pauta da Câmara de Vereadores será trancada a partir de hoje. Não se aprova mais nada a partir de hoje”, ressaltou a professora efetiva desde 1999.

O grupo está sendo orientado pelo Sindicato dos Servidores da Foz do Rio Itajaí (SINDIFOZ). Uma reunião foi realizada na Câmara de Vereadores de Penha para envio de um ofício ao prefeito. Logo após, uma sessão da Câmara de Vereadores também pautou sobre o tema com manifestações dos professores e dos vereadores.

Nesse dia, o presidente da Câmara de Vereadores, Adriano de Souza, o Tibeco, usou a tribuna e na ocasião recebeu uma ligação do prefeito Aquiles que solicitou a formação de uma comissão para receber essa equipe no dia 16 de maio, às 18h.

Segundo Francisco Johanssen, presidente do Sindifoz, os vencimentos dos professores estariam defasados em 8,51% de acordo com estimativa do próprio sindicato. “Essa reunião seriam para a comissão apresentar as necessidades ao prefeito e estabelecer uma data para envio do projeto e implementação salarial”, reforça.

A comissão foi integrada pelo presidente do Sindifoz, alguns professores especialistas, vereadores, representantes da Educação Infantil, Anos Iniciais e Anos Finais. A partir dessa comissão, o grupo de professores sugeriu fazer uma concentração em frente à prefeitura no dia dessa reunião, aguardando a comissão em frente ao paço municipal.

Consultada pela nossa equipe, a assessoria da prefeitura de Penha destacou que “hoje o Prefeito receberá os professores em uma reunião agendada, para que possam ajustar alguns pontos e estreitar ainda mais a conversa sobre o piso do magistério. O Prefeito segue à disposição para ouvir a demanda dos professores”, finaliza a nota.

Nas redes sociais, o prefeito Aquiles da Costa afirmou que criou a comissão da educação e piso dos professores para discurtir as demandas da educação e outras questões inerentes ao plano de carreira do magistério. No mesmo vídeo, ele apresenta os vereadores Maurício Brockveld e Mário Dionísio Moser, o Marquetti, além da Secretária de Educação Thyrciane Santanna e demais representantes. O gestor municipal afirmou que o vencimento inicial base Nível 3 de professor efetivo é de R$ 4.600,00 acima do piso nacional.

O Sindicato no entanto diz que o piso é inicial de carreira e não em final de carreira. Ele se comprometeu em tentar verificar o que pode ser acatado para uma valoriação para cobrir o piso com um retorno até 14 de junho.

Consultado pela equipe do Portal Pexero Web sobre a intensão de trancar as pautas do executivo enquanto não for dada solução sobre o tema, o presidente da Câmara de Vereadores de Penha, Adriano Tibeco, confirmou a possibilidade de interromper as votações após esse prazo de 30 dias.

Campanha Saúde Balneário Piçarras 2023
Campanha Educação Balneário Piçarras
RELATED ARTICLES

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- PUBLICIDADE -
Publicidade

Últimas notícias

- PUBLICIDADE -
Publicidade

Colunistas

Prefeitura de Penha inicia projeto de revitalização da Avenida Eugênio Krause

0
“Esse é um projeto que eleva a capacidade de fluidez e mobilidade do trânsito central da nossa cidade. Com esse arrojado projeto, caminhamos em...
O professor é um mediador que coloca o aluno em um contato direto com conceitos e fontes adequadas.

Estreia coluna Sala dos Professores Opinião: Orgulho e representatividade

0
Neste sábado, especial dia dos mestres, estreia a coluna Sala dos Professores. O professor historiador Jairo Demm Junkes relata momentos do conhecimento e a figura da mediação dos professores com a sempre generosa cortesia da distribuíção dos méritos. A coluna recebe artigos inéditos dos profissionais da educação.
E não é só em números de aparelhos que nosso país está nas primeiras posições, em média gastamos 4 horas e 40 minutos diariamente (média) na frente deste aparelhinho. O smartphone virou o companheiro inseparável, vai desde o banheiro até a cama.

Uso excessivo do celular pode prejudicar postura

0
Professor Marcelo nos orienta na coluna Vida & movimento de hoje sobre os malefícios do uso excessivo do celular
Aproveitem a estação com muito movimento, fiquem ativos, fiquem bem.

Apesar do outono favorecer sedentarismo, é importante manter foco nas atividades físicas

0
Professor Marcelo Albuquerque alerta para espantar a preguiça na estação outono
- PUBLICIDADE -
Publicidade

Comentários recentes