terça-feira, junho 25, 2024
spot_img
- PUBLICIDADE -
Publicidade
- PUBLICIDADE -
Publicidade
InícioBalneário PiçarrasBalneário Piçarras estima mais de R$ 200 mil em fomento para Cultura...

Balneário Piçarras estima mais de R$ 200 mil em fomento para Cultura em 2024

Com transparência em documento, plano de investimento publicado injeta recursos da Lei Nacional Aldir Blanc

O Plano Anual de Aplicação dos Recursos (PAAR), publicado nesta quarta-feira (22) pela Fundação de Cultura município de Balneário Piçarras, garantirá ao setor cultural o investimento dos R$ 209.139,63 da Lei Nacional Aldir Blanc, destinados ao município no início de 2024. A publicação foi realizada na plataforma Transferegov.

O PAAR foi definido com aplicação de mais de R$ 130 mil em um Edital com sete cotas de projetos para fomento cultural, R$ 30 mil para ações de salvaguarda do patrimônio material e imaterial com a publicação de um livro dos Mestres dos Saberes e R$ 30.000,00 para implementar a Política Nacional de Cultura Viva mediante Edital de premiação para três Pontos de Cultura. Os custos de operacionalização, em torno de R$ 10.400, serão aplicados em contratação de pareceristas, intérprete de libras para divulgação de editais e capacitação para o Cultura Viva na cidade.

“Estamos entre os primeiros municípios da Amfri a publicar o plano, mas sabemos que ainda temos muitos desafios pela frente com os lançamentos dos editais e todos os trâmites. Estamos no caminho certo e fazendo o que a comunidade cultural espera com transparência e pé no chão”, destaca a presidente da fundação, Iria Quintino.

O material das escutas, leis e o PAAR local estão disponíveis para consulta na página da Fundação de Cultura no site da Prefeitura, através do link.

Políticas inclusivas
A Política Nacional Aldir Blanc visa a aplicação de pelo menos 20% dos recursos repassados em ações a serem realizadas em áreas periféricas, urbanas e rurais, bem como em áreas de povos e comunidades tradicionais. Além disso, os editais precisam ter foco em ações afirmativas.

A fim de cumprir com as exigências da Política Nacional, nos editais de Balneário Piçarras, além da pontuação extra para projetos que atuarem nessas áreas periféricas e comunidades tradicionais, serão obrigatoriamente contemplados pelo menos dois projetos (um no valor de R$ 10 mil e outro no valor de R$ 15 mil) no item “Fomento Cultural”, que totaliza R$ 25 mil a serem realizadas nas respectivas localidades No item Cultura Viva – pelo menos 1 ponto de cultura dos três que serão premiados (R$ 10 mil) deve estar em área periférica e/ou atuar/beneficiar comunidades de povos tradicionais, ou em áreas periféricas.

Ao todo, serão garantidos que, pelo menos, R$ 45 mil sejam aplicados para cumprir com o artigo 7º da Lei n.º 14.399/2022, que determina a utilização de pelo menos 20% dos recursos repassados. Em relação às ações afirmativas, no Edital de fomento a ser lançado, haverá cotas para negros, 1 para indígenas e 1 para PCD, bem como pontuação extra para projetos coordenados ou que atuem com ações afirmativas para mulheres, LGBTQIAPN+, indígenas, idosos, crianças em vulnerabilidade social e comunidades tradicionais.

João Sagas
Profissional de comunicação. Familiarizado com comunicação entre empresas, fornecedores e clientes. Capaz de trabalhar em diversos projetos simultaneamente e ter a comunicação clara e objetiva em relação à equipe. Familiarizado com procedimentos, normas e condutas de éticas presentes nas empresas do setor privado e público. Facilidade na realização de tarefas como escrita, planilhas e criação de slides e layouts e edição de vídeos e áudios.
RELATED ARTICLES

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- PUBLICIDADE -
Publicidade

Últimas notícias

- PUBLICIDADE -
Publicidade

Colunistas

Prefeitura de Penha inicia projeto de revitalização da Avenida Eugênio Krause

0
“Esse é um projeto que eleva a capacidade de fluidez e mobilidade do trânsito central da nossa cidade. Com esse arrojado projeto, caminhamos em...
O professor é um mediador que coloca o aluno em um contato direto com conceitos e fontes adequadas.

Estreia coluna Sala dos Professores Opinião: Orgulho e representatividade

0
Neste sábado, especial dia dos mestres, estreia a coluna Sala dos Professores. O professor historiador Jairo Demm Junkes relata momentos do conhecimento e a figura da mediação dos professores com a sempre generosa cortesia da distribuíção dos méritos. A coluna recebe artigos inéditos dos profissionais da educação.
E não é só em números de aparelhos que nosso país está nas primeiras posições, em média gastamos 4 horas e 40 minutos diariamente (média) na frente deste aparelhinho. O smartphone virou o companheiro inseparável, vai desde o banheiro até a cama.

Uso excessivo do celular pode prejudicar postura

0
Professor Marcelo nos orienta na coluna Vida & movimento de hoje sobre os malefícios do uso excessivo do celular
Aproveitem a estação com muito movimento, fiquem ativos, fiquem bem.

Apesar do outono favorecer sedentarismo, é importante manter foco nas atividades físicas

0
Professor Marcelo Albuquerque alerta para espantar a preguiça na estação outono
- PUBLICIDADE -
Publicidade

Comentários recentes